Mosaiko vai à Guiné Bissau apresentar experiências do trabalho em Direitos Humanos
Organizações realizam intercâmbio sobre o trabalho em Direitos Humanos e Cidadania
18 a 26 de Abril
Guiné Bissau
Bookmark and Share Partilhar



Tem início nesta terça feira, dia 18, na Guiné Bissau, o workshop de formação sobre Justiça Social, Democracia e Direitos Humanos. A actividade  termina no dia 26 de Abril e conta com a presença de quatro países, Angola, Alemanha, Portugal e Guiné Bissau.

O Mosaiko| Instituto para a Cidadania faz-se representar pelo seu Director geral , frei Júlio Candeeiro e pelo advogado estagiário Hermenegildo Teotónio. Eles terão uma participação especial no dia 20 onde vão apresentar a experiência do trabalho  que o Mosaiko tem realizado na área dos Direitos Humanos em Angola.

De acordo com a programação, durante oito dias de actividade, os representantes da Misereor, FEC e Mosaiko, Cáritas de Bissau, organizações parceiras, União Europeia( UE), UNICEF e instituições locais estarão juntas para dialogar e trocar experiências sobre o trabalho em Direitos Humanos e Cidadania que cada instituição desenvolve no seu país. Além disso, os participantes vão visitar pontos estratégicos como prisões e Cáritas de Bissau e Bafatá, e reunir com o bispo da diocese e outras entidades religiosas.


O encontro organizado pela Fundação Fé e Cooperação (FEC), insere-se no projecto de parceria entre o Mosaiko e as organizações da sociedade civil que trabalham em Direitos Humanos em Angola na Guiné Bissau.