Mosaiko participa de workshop sobre capacitação e proteção dos defensores dos Direitos Humanos
7-10 de Agosto
Joanesburgo | África do Sul
Bookmark and Share Partilhar



 Temos pessoas das nossas comunidades que foram compradas para ficarem do lado dos donos das empresas de minérios, essas empresas chegam para explorar a nossa terra, e expulsar as pessoas das suas casas.

A fala do defensor dos direitos humanos, Amadiba Crisis Group, fez-se ouvir nas vozes dos demais líderes que compartilham as mesmas preocupações com o que está a ocorrer em vários lugares do mundo.

É com está finalidade que a Civicus, organiza o workshop sobre: Capacitação em proteção para defensores ambientais e do direito da terra”. O encontro teve início nesta segunda-feira,7 de Agosto e segue até quinta-feira,dia10. Mais de 40 líderes de diversos países do mundo estão juntos para debater o tema.

Na sessão de abertura do evento, o Secretário Geral da Civicus: Word Alliance For Citizen Participation, Danny Sriskandarajh, reforçou a importância desta actividade: Existe uma preocupação grande, sobre as relações entre a sociedade civil, o estado e o setor privado, principalmente nesta última década. Nota-se que os países que anteriormente eram mais democráticos, hoje, têm-se  tornado um tanto ditadores. Isso nos preocupa, disse o secretário.

Segundo ele, cada vez mais se faz necessário capacitar e ajudar as lideranças a serem protagonistas na sociedade civil. Sabemos que muitos irmãos e irmãs nossos perderam a vida, na defesa dos direitos humanos, com eles formamos uma rede de solidariedade. Porém, precisamos pensar em acções de proteção da vida das pessoas, afirmou Sriskandarajh.

Neste primeiro dia de trabalho foram apresentados vários desafios de lideranças que estão a ser ameaçadas por defenderem a terra e as pessoas das suas comunidades. As colocações foram abertas para que juntos possamos encontrar estratégias que venham a ser relevantes para acções de proteção dos defensores nas suas diversas realidades.

Dinâmica do worshop

Durante os três dias de actividades os participantes estão convidados a partilhar experiências que têm sido relevantes na luta pela defesa dos direitos humanos em seus respectivos países. A interação ocorre mediante trabalhos em grupos e testemunhos dos defensores dos direitos humanos, ambientalistas e líderes de Organizações Não Governamentais (ONGs).

O encontro é organizado pela Civicus e tem como objetivos:

·         Discutir desafios comuns que os defensores enfrentam

·         Identificar espaços de conhecimento, compartilhar experiências e aprender com outras práticas.

·         Identificar medidas de proteção que podem ser utilizadas pelos defensores e suas famílias quando são ameaçados.

·         Acreditar num forte sentido de solidariedade e interconexão, contar com apoio recíproco e promover vínculos com actores relevantes a nível nacional, regional e internacional que tenham interesses em proteger o ambiente contra os actores  estatais e não estatais.

Mais informações podem ser obtidas na página: www.civicus.org

Mosaiko 20 anos ao Serviço dos Direitos Humanos em Angola